Novena à São Jerônimo Emiliani

 

Pai dos órfãos e da juventude abandonada

1º dia

SÃO JEÔNIMO, BOM PAI

Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém

 

Ilumina-me Senhor para que possa rezar esta novena e alcançar as graças por intercessão de São Jerônimo Emiliani.

 

ILUMINAÇÃO BÍBLICA - Evangelho: Mc 4, 26-34

Dizia ainda: “O Reino de Deus é como um homem que lançou a semente à terra. Quer esteja a dormir, quer se levante, de noite e de dia, a semente germina e cresce, sem ele saber como. A terra produz por si, primeiro o caule, depois a espiga e, finalmente, o trigo perfeito na espiga. E, quando o fruto amadurece, logo ele lhe mete a foice, porque chegou o tempo da ceifa.”
Dizia também: “Com que havemos de comparar o Reino de Deus? Ou com qual parábola o representaremos? É como um grão de mostarda que, ao ser deitado à terra, é a mais pequena de todas as sementes que existem; mas, uma vez semeado, cresce, transforma-se na maior de todas as plantas do horto e estende tanto os ramos, que as aves do céu se podem abrigar à sua sombra.”
Com muitas parábolas como estas, pregava-lhes a Palavra, conforme eram capazes de compreender. Não lhes falava senão em parábolas; mas explicava tudo aos discípulos, em particular.

Palavra do Senhor.

Glória a vós Senhor.

 

Vamos refletir 

Nesse primeiro dia da novena somos agraciados com um Evangelho tão rico em detalhes, onde o Evangelista Marcos nos chama atenção ao grande poder de Deus e como é maravilhoso o Reino do Pai, e nos pergunta "Com que havemos de comparar o Reino de Deus? Ou com qual parábola o representaremos?" Uma pergunta difícil de se responder, já que nínguem nunca viu o Reino de Deus em plenitude, mas com a parábola do grão de mostarda somos chamados a ter certeza que o Reio de Deus se mostra nas pequenas coisas, nasce dos pequenos gestos e se torna um grande porto seguro  para seus filhos amados.

Isso é o que acontece diariamente, nos pequenos detalhes que nós nem damos importância, ao serem “semeados” se tornam grandes pontos de segurança nas nossas vidas. Isso nós podemos ver ao longo da vida de São Jerônimo Emiliani, nos seus feitos hulmides mas com grande importância: cuidar dos leprosos, sepultar os mortos durante a noite e doar tudo aos pobres.

Nesse mesmo espírito de novena vamos rezar:

Bondoso Pai,

Jerônimo Emiliani, que dos céus continua com teu olhar solicito, a proteger aqueles que a Ti se voltam suplicantes

-intercede por nós junto a Deus, a fim de que dóceis ao Espírito Santo, sejamos

“humildes instrumentos nos quais Cristo opera e Deus manifesta sua gloria ”     

-abençoa os jovens e órfãos que empobrecido e abandonados clamam por um mundo mais justo e fraterno.

(intenção pessoal)

Acompanhe-nos sempre, ó Pai, teu exemplo de serviço a Deus e aos pobres e nos sustente a tua intercessão, hoje e sempre.

AMÉM. 

São Jerônimo Emiliani,

Rogai por nós e por todos os órfãos.

 

 

 

2° dia

Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém

 

Ilumina-me Senhor para que possa rezar esta novena e alcançar as graças por intercessão de São Jerônimo Emiliani.

 

ILUMINAÇÃO BÍBLICA - Evangelho: Mc 4,35-41

Naquele dia, ao cair da tarde, Jesus disse a seus discípulos: “Vamos para a outra margem!” Eles despediram a multidão e levaram Jesus consigo, assim como estava na barca. Havia ainda outras barcas com ele. Começou a soprar uma ventania muito forte e as ondas se lançavam dentro da barca, de modo que a barca já começava a se encher. Jesus estava na parte de trás, dormindo sobre um travesseiro. Os discípulos o acordaram e disseram: “Mestre, estamos perecendo e tu não te importas?” Ele se levantou e ordenou ao vento e ao mar: “Silêncio! Cala-te!” O vento cessou e houve uma grande calmaria. Então Jesus perguntou aos discípulos: “Por que sois tão medrosos? Ainda não tendes fé?” Eles sentiram um grande medo e diziam uns aos outros: “Quem é este, a quem até o vento e o mar obedecem?”.

Palavra da Salvação

Glória a vós Senhor

 

Vamos refletir

Nesse segundo dia da novena, o Evangelho de São Marcos já inicia com Jesus saindo do lugar onde estava, “Vamos para a outra margem!” Isso nos mostra que Ele estava evangelizando não só em um lugar, mas sim em vários. Lembramo-nos assim de Jerônimo Emiliani, que viveu a sua “caminhada de caridade” passando por Somasca, Bérgamo, Brescia, Verona, Quero, Milão, Como, Pavia e Veneza na Itália, neste longo caminho sempre fazendo suas obras de caridade e evangelização.

Voltando ao Evangelho Jesus se despediu da multidão, eles foram à barca, onde a parte principal do Evangelho acontece. Os discípulos de Jesus sentem medo de morrer com a tempestade e a força das águas que adentravam na barca, e assim vão acordá-lo, “Mestre, estamos perecendo e tu não te importas?” essa frase é logo desmentida, pois Jesus coloca fim a tempestade e os questiona “Por que sois tão medrosos? Ainda não tendes fé? Os discípulos ainda não entendiam as palavras de Jesus e se questionavam com medo “Quem é este, a quem até o vento e o mar obedecem?”. Essa passagem faz com que olhemos para o nosso intimo e nos questionemos “como está a minha fé?” Hoje rezemos para que nossa fé possa ser inabalável e para que como São Jerônimo disse aos Servos dos Pobres em 1535 “àqueles que foram grandes na fé e esperança, Ele encheu de caridade e neles fez grandes coisas”. Que Deus também possas fazer em nós essas grandes coisas.

Nesse mesmo espírito de novena vamos rezar:

Bondoso Pai,

Jerônimo Emiliani, que dos céus continua com teu olhar solicito, a proteger aqueles que a Ti se voltam suplicantes

-intercede por nós junto a Deus, a fim de que dóceis ao Espírito Santo, sejamos

“humildes instrumentos nos quais Cristo opera e Deus manifesta sua gloria ”      -abençoa os jovens e órfãos que empobrecido e abandonados clamam por um mundo mais justo e fraterno.

(intenção pessoal)

Acompanhe-nos sempre, ó Pai, teu exemplo de serviço a Deus e aos pobres e nos sustente a tua intercessão, hoje e sempre.

AMÉM.

São Jerônimo Emiliani,

Rogai por nós e por todos os órfãos do mundo!!!

 

3° dia

 

Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém

Ilumina-me Senhor para que possa rezar esta novena e alcançar as graças por intercessão de São Jerônimo Emiliani

.ILUMINAÇÃO BÍBLICA - Evangelho: Lc 2,22-40

Quando se completaram os dias para a purificação da mãe e do filho, conforme a lei de Moisés, Maria e José levaram Jesus a Jerusalém, a fim de apresentá-lo ao Senhor. Conforme está escrito na lei do Senhor: “Todo primogênito do sexo masculino deve ser consagrado ao Senhor”.

Foram também oferecer o sacrifício — um par de rolas ou dois pombinhos — como está ordenado na Lei do Senhor. Em Jerusalém, havia um homem chamado Simeão, o qual era justo e piedoso, e esperava a consolação do povo de Israel. O Espírito Santo estava com ele e lhe havia anunciado que não morreria antes de ver o Messias que vem do Senhor.

Movido pelo Espírito, Simeão veio ao Templo. Quando os pais trouxeram o menino Jesus para cumprir o que a Lei ordenava, Simeão tomou o menino nos braços e bendisse a Deus: “Agora, Senhor, conforme a tua promessa, podes deixar teu servo partir em paz; porque meus olhos viram a tua salvação, que preparaste diante de todos os povos: luz para iluminar as nações e glória do teu povo Israel”.

O pai e a mãe de Jesus estavam admirados com o que diziam a respeito dele. Simeão os abençoou e disse a Maria, a mãe de Jesus: “Este menino vai ser causa tanto de queda como de reerguimento para muitos em Israel. Ele será um sinal de contradição. Assim serão revelados os pensamentos de muitos corações. Quanto a ti, uma espada te traspassará a alma”.

Havia também uma pro­fe­tisa, chamada Ana, filha de Fa­nuel, da tribo de Aser. Era de idade muito avançada; quando jovem, tinha sido casada e vivera sete anos com o marido. Depois ficara viúva, e agora já estava com oitenta e quatro anos. Não saía do Templo, dia e noite servindo a Deus com jejuns e orações. Ana chegou nesse momento e pôs-se a louvar a Deus e a falar do menino a todos os que esperavam a libertação de Jerusalém.

Depois de cumprirem tudo, conforme a Lei do Senhor, voltaram à Galileia, para Nazaré, sua cidade. O menino crescia e tornava-se forte, cheio de sabedoria; e a graça de Deus estava com ele.

 Palavra da Salvação.

Glória a vós, Senhor.

 

Vamos refletir..

Nesse mesmo espírito de novena pessamos ao Pai que ele nos ajude a entender seus mistérios. São Lucas nos mosta claramente que Jesus nasceu sujeito a lei, “Todo primogênito do sexo masculino deve ser consagrado ao Senhor”. Mostra também que Jesus além de Deus nasceu homem. Nesse Evangelho há também uma presença muito importante, a de Simeão que estando alí liga Jesus desde o Antigo ao Novo Testamento cumprindo a profecia “Agora, Senhor, conforme a tua promessa, podes deixar teu servo partir em paz; porque meus olhos viram a tua salvação, que preparaste diante de todos os povos: luz para iluminar as nações e glória do teu povo Israel”. Assim podendo descansar em paz, já que cumpriu o que lhe foi ordenado. Simeão também já tem uma visão da vida de Jesus e Maria quando diz “Este menino vai ser causa tanto de queda como de reerguimento para muitos em Israel. Ele será um sinal de contradição. Assim serão revelados os pensamentos de muitos corações. Quanto a ti, uma espada te traspassará a alma”. Nesse momento já é pré-anunciada a morte de Jesus e das dores que Maria iria viver neste momento. 

A profetisa Ana vem nos mostrar como o povo esperava pelo Salvador, logo após vê-lo saiu a anunciar "para todos os que esperavam a libertação de Jerusalém."  

José e Maria após cumprirem a Lei voltam para casa, esse momento é muito bonito, eles sabiam que Jesus era o Messias e ouviram todas aquelas profecias e mesmo assim voltaram para casa como uma família normal, onde mostra a humildade e a servidão de José e Maria a Deus.

"O menino crescia e tornava-se forte, cheio de sabedoria; e a graça de Deus estava com ele."  Nesse momento o Evangelista encerra o trecho, mostrando que o Menino crescia na estatura, mas também na sabedoria e que seu Pai nunca lhe abandonava pois a graça estava com ele.

 

Nesse mesmo espírito de novena vamos rezar:

Bondoso Pai,

Jerônimo Emiliani, que dos céus continua com teu olhar solicito, a proteger aqueles que a Ti se voltam suplicantes

-intercede por nós junto a Deus, a fim de que dóceis ao Espírito Santo, sejamos

“humildes instrumentos nos quais Cristo opera e Deus manifesta sua gloria ”      -abençoa os jovens e órfãos que empobrecido e abandonados clamam por um mundo mais justo e fraterno.

(intenção pessoal)

Acompanhe-nos sempre, ó Pai, teu exemplo de serviço a Deus e aos pobres e nos sustente a tua intercessão, hoje e sempre.

AMÉM.

São Jerônimo Emiliani,

Rogai por nós e por todos os órfãos do mundo!!!

 

4° dia

Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém

Ilumina-me Senhor para que possa rezar esta novena e alcançar as graças por intercessão de São Jerônimo Emiliani

.ILUMINAÇÃO BÍBLICA - Evangelho: Mc 5,1-20

Naquele tempo, Jesus e seus discípulos chegaram à outra margem do mar, na região dos ge­rasenos. Logo que saiu da barca, um homem possuído por um espírito impuro, saindo de um cemitério, foi a seu encontro.

Esse homem morava no meio dos túmulos e ninguém conseguia amarrá-lo, nem mesmo com correntes. Muitas vezes tinha sido amarrado com algemas e correntes, mas ele arrebentava as correntes e quebrava as algemas. E ninguém era capaz de dominá-lo.

Dia e noite ele vagava entre os túmulos e pelos montes, gritando e ferindo-se com pedras. Vendo Jesus de longe, o endemoninhado correu, caiu de joelhos diante dele e gritou bem alto: “Que tens a ver comigo, Jesus, Filho do Deus altís­simo? Eu te conjuro por Deus, não me atormentes!” Com efeito, Jesus lhe dizia: “Espírito impuro, sai desse homem!” Então Jesus perguntou: “Qual é o teu nome?” O homem respondeu: “Meu nome é ‘Legião’, porque somos muitos”. E pedia com insistência para que Jesus não o expulsasse da região.

Havia aí perto uma grande manada de porcos, pastando na montanha. O espírito impuro suplicou, então: “Manda-nos para os porcos, para que entremos neles”. Jesus permitiu. Os espíritos impuros saíram do homem e entraram nos porcos. E toda manada — mais ou menos uns dois mil porcos — atirou-se monte abaixo para dentro do mar, onde se afogou. Os homens que guardavam os porcos saíram correndo e espalharam a notícia na cidade e nos campos. E as pessoas foram ver o que havia acontecido. Elas foram até Jesus e viram o endemoninhado sentado, vestido e no seu perfeito juízo, aquele mesmo que antes estava possuído por Legião. E ficaram com medo.

Os que tinham presenciado o fato explicaram-lhes o que havia acontecido com o endemoninhado e com os porcos. Então começaram a pedir que Jesus fosse embora da região deles. Enquanto Jesus entrava de novo na barca, o homem que tinha sido en­de­mo­ninhado pediu-lhe que o deixasse ficar com ele. Jesus, porém, não permitiu. Entretanto, lhe disse: “Vai para casa, para junto dos teus e anuncia-lhes tudo o que o Senhor, em sua misericórdia, fez por ti”. E o homem foi embora e começou a pregar na Decápole tudo o que Jesus tinha feito por ele. E todos ficavam admirados.

 

Palavra da Salvação.

Glória a vós, Senhor.

 

Vamos refletir

No 5° capítulo do Evangelho de São Marcos observamos o episódio do endemoninhado geraseno (Gerasa atual Djerash), Gerasa era uma terra pagã,  seus moradores não acreditavam em um Deus único. Ao descer da embarcação Jesus é logo surpreendido por um endemoninhado, esse ao ver Jesus vai ao seu encontro e lhe questiona “Que tens a ver comigo, Jesus, Filho do Deus altíssimo?” Esse trecho mostra claramente que os demônios tem pleno conhecimento de que Jesus é Filho de Deus, e a próxima frase mostra claramente o medo que a “Legião” tinha de Jesus “Eu te conjuro por Deus, não me atormentes!”

Jesus ao se pronunciar já manda que os espíritos malignos se retirem, e eles relutam para que possam ficar na região. Logo após isso são mandados para os porcos. O homem após ficar livre dos demônios se torna admirador de Jesus e pede para segui-lo, Jesus nega, pois necessita do testemunho do homem em Gerasa. O mais bonito desse trecho e que o homem começa a pregar para o povo assim continuando a evangelização, aquele que começou a acreditar a tampouco tempo já estava tão embainhado do Espírito de Deus que começou a dar o testemunho do que Jesus fez na vida dele “e todos ficavam admirados”.

Há uma frase de Jerônimo Emiliani que diz: “Este pobre Pai de vocês os saúda e conforta no amor de Cristo e na observância da regra cristã, como tentei demostrar, com fatos e palavras, no tempo em que me encontrava com vocês, tanto que Deus foi glorificado em vocês, por meio de mim.” Nessa frase devemos sentir um pouco da espiritualidade do Evangelho (Mc 5,1-20), pois São Jerônimo Emiliani foi libertado misteriosamente por Maria e depois desse momento começou a evangelizar “na observância da regra cristã, como tentei demostrar, com fatos e palavras”, como o homem de geraseno que logo após ter o encontro com Jesus se converte e começa a evangelizar. Mostrando que logo após a conversão nós devemos converter e ensinar outras pessoas e não deixar nossa fé sem obras, parada. Na parte onde Jerônimo escreve “Deus foi glorificado em vocês, por meio de mim” observamos a entrega total de Jerônimo à Deus, dando sua vida para transmitir aos outros a glória do Salvador.

 

 

Obs.: Esse trecho foi retirado da Segunda carta de São Jerônimo Emiliani, que foi destinada ao superior da obra em Bérgamo (Itália), Agostinho Barili e depois a toda Companhia. Essa carta foi motivada, porque São Jerônimo não podia voltar para Bérgamo,  e pedia para dois membros da companhia levarem informações a ele em Veneza onde foi escrita essa carta.

 

 

Nesse mesmo espírito de novena vamos rezar:

Bondoso Pai,

Jerônimo Emiliani, que dos céus continua com teu olhar solicito, a proteger aqueles que a Ti se voltam suplicantes

-intercede por nós junto a Deus, a fim de que dóceis ao Espírito Santo, sejamos

“humildes instrumentos nos quais Cristo opera e Deus manifesta sua gloria ”      -abençoa os jovens e órfãos que empobrecido e abandonados clamam por um mundo mais justo e fraterno.

(intenção pessoal)

Acompanhe-nos sempre, ó Pai, teu exemplo de serviço a Deus e aos pobres e nos sustente a tua intercessão, hoje e sempre.

AMÉM.

São Jerônimo Emiliani,

Rogai por nós e por todos os órfãos do mundo!!!

 

5° dia

Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém

Ilumina-me Senhor para que possa rezar esta novena e alcançar as graças por intercessão de São Jerônimo Emiliani

.ILUMINAÇÃO BÍBLICA - Evangelho: Mc 5,21-43

Naquele tempo, Jesus atravessou de novo, numa barca, para outra margem. Uma numerosa multidão se reuniu junto dele, e Jesus ficou na praia. Aproximou-se, então, um dos chefes da sinagoga, chamado Jairo. Quando viu Jesus, caiu a seus pés, e pediu com insistência: “Minha filhinha está nas últimas. Vem e põe as mãos sobre ela, para que ela sare e viva!”

Jesus então o acompanhou. Numerosa multidão o seguia e comprimia. Ora, achava-se ali uma mulher que, há doze anos, estava com hemorragia; tinha sofrido nas mãos de muitos médicos, gastou tudo o que possuía, e, em vez de melhorar, piorava cada vez mais.

Tendo ouvido falar de Jesus, aproximou-se dele por detrás, no meio da multidão, e tocou na sua roupa. Ela pensava: “Se eu ao menos tocar na roupa dele, ficarei curada”. A hemorragia parou imediatamente, e a mulher sentiu dentro de si que estava curada da doença. Jesus logo percebeu que uma força tinha saído dele. E, voltando-se no meio da multidão, perguntou: “Quem tocou na minha roupa?” Os discípulos disseram: “Estás vendo a multidão que te comprime e ainda perguntas: ‘Quem me tocou’?”

Ele, porém, olhava ao redor para ver quem havia feito aquilo. A mulher, cheia de medo e tremendo, percebendo o que lhe havia acontecido, veio e caiu aos pés de Jesus, e contou-lhe toda a verdade. Ele lhe disse: “Filha, a tua fé te curou. Vai em paz e fica curada dessa doença”.

Ele estava ainda falando, quando chegaram alguns da casa do chefe da sinagoga, e disseram: “Tua filha morreu. Por que ainda incomodar o mestre?” Jesus ouviu a notícia e disse ao chefe da sinagoga: “Não tenhas medo. Basta ter fé!” E não deixou que ninguém o acompanhasse, a não ser Pedro, Tiago e seu irmão João. Quando chegaram à casa do chefe da sinagoga, Jesus viu a confusão e como estavam chorando e gritando.

Então, ele entrou e disse: “Por que essa confusão e esse choro? A criança não morreu, mas está dormindo”. Começaram então a caçoar dele. Mas, ele mandou que todos saíssem, menos o pai e a mãe da menina, e os três discípulos que o acompanhavam. Depois entraram no quarto onde estava a criança. Jesus pegou na mão da menina e disse: “Talitá cum” — que quer dizer: “Menina, levanta-te!” Ela levantou-se imediatamente e começou a andar, pois tinha doze anos. E todos ficaram admirados. Ele recomendou com insistência que ninguém ficasse sabendo daquilo. E mandou dar de comer à menina.

 

Palavra da Salvação.

Glória a vós, Senhor.

 

Vamos refletir.

Hoje neste quinto dia da novena de São Jerônimo Marcos nos apresenta uma passagem de fé, com dois milagres, a cura da mulher e a ressureição da menina. Esses dois momentos são marcantes não apenas pelo fato do milagre, mas a fé que as pessoas demonstraram ter em Jesus. Primeiramente temos a presença de Jairo que diz: “Minha filhinha está nas últimas. Vem e põe as mãos sobre ela, para que ela sare e viva!” Depois há a presença da mulher hemorrágica que pensava: “ Se eu ao menos tocar na roupa dele, ficarei curada.” Essas duas citações bíblicas são o centro da nossa reflexão, pois elas demonstram ardorosamente a fé de ambos no poder de Jesus. São Jerônimo escreveu uma frase que nos leva a mesma reflexão da fé do Evangelho de Marcos, onde ele dizia “àqueles que foram de grande fé e esperança, Ele encheu de caridade e neles fez grandes coisas.” Essa frase nos mostra que o importante é ter fé, não só acreditar, mas confiar totalmente em Jesus.

Outro momento importante e o que Jesus perguntou “Quem tocou na minha roupa?” e os discípulos respondem um pouco indignados com a pergunta “Estás vendo a multidão que te comprime e ainda perguntas: ‘Quem me tocou?’” O milagre da mulher acontece com o toque na roupa de Jesus, mas Ele estava sendo tocado por várias outras pessoas, por isso os discípulos não entenderam a pergunta, pois Jesus perguntava que me tocou com fé? Muitas pessoas tocaram nele, porém a mulher hemorrágica tinha muita fé Nele e por isso foi curada pois “Filha, a tua fé te curou”.

Por fim, Jesus chega a casa de Jairo e as pessoas falam que a menina já está morta e caçoam de Jesus quando ele fala que ela está dormindo, e com as palavras “Talitá cum” (menina levanta-te) ela volta a vida, graças a fé de Jairo que disse Vem e põe as mãos sobre ela, para que ela sare e viva!” Então não deixe a sua fé acabar, pois ela te salvará!

 

 

Nesse mesmo espírito de novena vamos rezar:

Bondoso Pai,

Jerônimo Emiliani, que dos céus continua com teu olhar solicito, a proteger aqueles que a Ti se voltam suplicantes

-intercede por nós junto a Deus, a fim de que dóceis ao Espírito Santo, sejamos

“humildes instrumentos nos quais Cristo opera e Deus manifesta sua gloria ”      -abençoa os jovens e órfãos que empobrecido e abandonados clamam por um mundo mais justo e fraterno.

(intenção pessoal)

Acompanhe-nos sempre, ó Pai, teu exemplo de serviço a Deus e aos pobres e nos sustente a tua intercessão, hoje e sempre.

AMÉM.

São Jerônimo Emiliani,

Rogai por nós e por todos os órfãos do mundo!!!

 

6° dia

Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém

Ilumina-me Senhor para que possa rezar esta novena e alcançar as graças por intercessão de São Jerônimo Emiliani

ILUMINAÇÃO BÍBLICA - Evangelho: Mc 6,1-6

Naquele tempo, Jesus foi a Nazaré, sua terra, e seus discípulos o acompanharam.Quando chegou o sábado, começou a ensinar na sinagoga. Muitos que o escutavam ficavam admirados e diziam: “De onde recebeu ele tudo isto? Como conseguiu tanta sabedoria? E esses grandes milagres que são realizados por suas mãos? Este homem não é o carpinteiro, filho de Maria e irmão de Tiago, de Joset, de Judas e de Simão? Suas irmãs não moram aqui conosco?” E ficaram escandalizados por causa dele. Jesus lhes dizia: “Um profeta só não é estimado em sua pátria, entre seus parentes e familiares”. E ali não pôde fazer milagre algum. Apenas curou alguns doentes, impondo-lhes as mãos. E admirou-se com a falta de fé deles. Jesus percorria os povoados das redondezas, ensinando.

Palavra da Salvação.

Glória a vós, Senhor.

 

Vamos refletir

Nessa novena Marcos a cada dia nos proporciona passagens com um maior conteúdo de reflexão. Hoje somos convidados a refletir a palavra humildade e simplicidade. Nesse trecho Jesus volta a Nazaré, sua terra, mas o povo em Nazaré não tem fé em Jesus, pois conhece sua família e a profissão que o seu pai lhe ensinou a “carpintaria” e por esses motivos não acreditam que ele é o Messias ou um profeta, mas questiona-se de onde vem sua sabedoria e os milagres.Hoje no nosso dia-a-dia devemos resgatar o que foi perdido a muito tempo de perceber o que há de extraordinário em uma pessoa que é simples ou em uma vida sem nada de extraordinário, pois esperamos coisas impossíveis e magicas e não observamos gestos extraordinários de santas pessoas ao nosso redor. Aconteceu o mesmo com Jesus, uma pessoa extraordinária de atos incríveis, mas por vim de um lugar humilde e simples era desacreditado pelos próprios conterrâneos. Na reflexão de hoje nos somos chamados a ver o testemunho das pessoas na simplicidade como o de vários santos como Jerônimo Emiliani que nos seus pequenos gestos queria passar o amor de Cristo para o próximo, que em sua casa em um gesto simples de abrir a porta, mudou a vida de muitas crianças e no seu “sim” edificou uma congregação para cuidar dos pequeninos que nasceu de um simples “sim” e hoje leva a Cristo nos 5 continentes. Vamos olhar a simplicidade, pois ela mudará o mundo.

 

Nesse mesmo espírito de novena vamos rezar:

Bondoso Pai,

Jerônimo Emiliani, que dos céus continua com teu olhar solicito, a proteger aqueles que a Ti se voltam suplicantes

-intercede por nós junto a Deus, a fim de que dóceis ao Espírito Santo, sejamos

“humildes instrumentos nos quais Cristo opera e Deus manifesta sua gloria ”      -abençoa os jovens e órfãos que empobrecido e abandonados clamam por um mundo mais justo e fraterno.

(intenção pessoal)

Acompanhe-nos sempre, ó Pai, teu exemplo de serviço a Deus e aos pobres e nos sustente a tua intercessão, hoje e sempre.

AMÉM.

 

7° dia

Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém

Ilumina-me Senhor para que possa rezar esta novena e alcançar as graças por intercessão de São Jerônimo Emiliani

ILUMINAÇÃO BÍBLICA - Evangelho: Mc 6, 7-13

Naquele tempo, Jesus chamou os doze e começou a enviá-los dois a dois, dando-lhes poder sobre os espíritos impuros. Recomendou-lhes que não levassem nada para o caminho, a não ser um cajado; nem pão, nem sacola, nem dinheiro na cintura.

Mandou que andassem de sandálias e que não levassem duas túnicas. E Jesus disse ainda: “Quando entrardes numa casa, ficai ali até vossa partida. Se em algum lugar não vos receberem, nem quiserem vos escutar, quando sairdes, sacudi a poeira dos pés, como testemunho contra eles!”

Palavra da Salvação.

Glória a vós, Senhor.

 

Vamos refletir

 

Então os doze partiram e pregaram que todos se convertessem. Expulsavam muitos demônios e curavam numerosos doentes, ungindo-os com óleo.

Marcos não poderia deixar de refletir sobre a vocação, pois o legado de São Jerônimo Emiliani depende da vocação, da sua vocação que está fazendo essa novena. Hoje no Evangelho somos convidados para não dizer convocados a sermos missionários e evangelizadores da Boa Nova de Jesus o Cristo.No trecho que foi lido, Jesus chama os doze e os divide em pares, para um ter ao outro, pois somos chamados a amar o próximo e devemos também ajuda-lo se for necessário. Mas Jesus queria mais e os manda que “não leves nada pelo caminho”, Jesus fala isso, porque quem se entrega verdadeiramente Deus à de dar tudo o que é necessário. Nesse chamado a vocação de acreditar na Providência Divina, Jerônimo Emiliani nos deixou uma reflexão linda de vida, deixou sua casa, deixou suas riquezas (Jerônimo era de uma família nobre), deixou absolutamente tudo para “seguir o caminho do Crucificado” e hoje cada um de nós somos chamados a se desfazer de tudo que nos atrapalha, que tire nossa atenção, que nos tire do “caminho do Crucificado”, pois ele nos sustentará se tivermos fé. Vamos unidos “seguir o Crucificado”, o Ungido, o Messias e Salvador que morreu por nós e para nos libertar de tudo o que é mal, não vamos agora nos acorrentar ao mal que nosso Pai já nos libertou.

Nesse mesmo espírito de novena vamos rezar:

Bondoso Pai,

Jerônimo Emiliani, que dos céus continua com teu olhar solicito, a proteger aqueles que a Ti se voltam suplicantes

-intercede por nós junto a Deus, a fim de que dóceis ao Espírito Santo, sejamos

“humildes instrumentos nos quais Cristo opera e Deus manifesta sua gloria ”      -abençoa os jovens e órfãos que empobrecido e abandonados clamam por um mundo mais justo e fraterno.

(intenção pessoal)

Acompanhe-nos sempre, ó Pai, teu exemplo de serviço a Deus e aos pobres e nos sustente a tua intercessão, hoje e sempre.

AMÉM.

São Jerônimo Emiliani,

Rogai por nós e por todos os órfãos do mundo!!!

 

8° dia

Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém

Ilumina-me Senhor para que possa rezar esta novena e alcançar as graças por intercessão de São Jerônimo Emiliani

ILUMINAÇÃO BÍBLICA - Evangelho: Mc 6,14-29

Naquele tempo, o rei Herodes ouviu falar de Jesus, cujo nome se tinha tornado muito conhecido. Alguns diziam: “João Batista ressuscitou dos mortos. Por isso os poderes agem nesse homem”. Outros diziam: “É Elias”. Outros ainda diziam: “É um profeta como um dos profetas”. Ouvindo isto, Herodes disse: “Ele é João Batista. Eu mandei cortar a cabeça dele, mas ele ressuscitou!” Herodes tinha mandado prender João, e colocá-lo acorrentado na prisão. Fez isso por causa de Herodíades, mulher do seu irmão Filipe, com quem se tinha casado.

João dizia a Herodes: “Não te é permitido ficar com a mulher do teu irmão”. Por isso Herodíades o odiava e queria matá-lo, mas não podia. Com efeito, Herodes tinha medo de João, pois sabia que ele era justo e santo, e por isso o protegia. Gostava de ouvi-lo, embora ficasse embaraçado quando o escutava.

Finalmente, chegou o dia oportuno. Era o aniversário de Herodes, e ele fez um grande banquete para os grandes da corte, os oficiais e os cidadãos importantes da Galileia. A filha de Herodíades entrou e dançou, agradando a Herodes e seus convidados. Então o rei disse à moça: “Pede-me o que quiseres e eu te darei”. E lhe jurou dizendo: “Eu te darei qualquer coisa que me pedires, ainda que seja a metade do meu reino”. Ela saiu e perguntou à mãe: “Que vou pedir?” A mãe respondeu: “A cabeça de João Batista”. E, voltando depressa para junto do rei, pediu: “Quero que me dês agora, num prato, a cabeça de João Batista”. O rei ficou muito triste, mas não pôde recusar. Ele tinha feito o juramento diante dos convidados. Imediatamente, o rei mandou que um soldado fosse buscar a cabeça de João. O soldado saiu, degolou-o na prisão, trouxe a cabeça num prato e a deu à moça. Ela a entregou à sua mãe. Ao saberem disso, os discípulos de João foram lá, levaram o cadáver e o sepultaram.

Palavra da Salvação.

Glória a vós, Senhor

 

Vamos refletir

 

Estamos chegando ao fim de uma jornada de oração e contemplação e hoje nós somos chamados a relembrar a história da morte do último Profeta, João Batista. Aquele que veio antes do Salvador para anuncia-lo. Herodes ouvindo falar de Jesus, um homem justo e extremamente intrigante fica indeciso em saber quem ele era, ouvindo várias possibilidades: “Alguns diziam: ‘João Batista ressuscitou dos mortos. Por isso os poderes agem no homem.’ Outros diziam: ‘É Elias.’ Outros ainda diziam: ‘É um profeta como um dos profetas´” Mas Herodes deu sua certeza que era “Ele é João Batista. Eu mandei cortar a cabeça dele, mas ele ressuscitou.” Não pensavam eles, que Jesus era maior do que todos os Profetas, porque ele é o Deus vivo, feito Homem.
Mas voltando aos trechos seguintes lemos as cenas da morte de João que era querido e protegido por Herodes que gostava de ouvi-lo. Herodes não desejava a morte do Profeta. Mas o João não se calava ao ver que Herodes tinha se casado com a mulher do seu irmão Filipe e falava “Não é permitido ficar com a mulher do teu irmão”. E Herodíades, queria matar João mas não podia por isso aproveitou-se da promessa de Herodes a sua filha, e pediu a “cabeça de João Batista”, Herodes não negou, pois prometerá na frente de todos os convidados.
No dia de hoje vamos refletir sobre a fidelidade de João Batista que foi fiel a Jesus até o último instante, ele foi como a uma maçaneta para a Salvação do mundo, já que Maria pode ser considerada a porta por onde veio a Salvação.

Nesse mesmo espírito de novena vamos rezar:

Bondoso Pai,

Jerônimo Emiliani, que dos céus continua com teu olhar solicito, a proteger aqueles que a Ti se voltam suplicantes

-intercede por nós junto a Deus, a fim de que dóceis ao Espírito Santo, sejamos

“humildes instrumentos nos quais Cristo opera e Deus manifesta sua gloria ”      -abençoa os jovens e órfãos que empobrecido e abandonados clamam por um mundo mais justo e fraterno.

(intenção pessoal)

Acompanhe-nos sempre, ó Pai, teu exemplo de serviço a Deus e aos pobres e nos sustente a tua intercessão, hoje e sempre.

AMÉM.

São Jerônimo Emiliani,

Rogai por nós e por todos os órfãos do mundo!!!

 

 

9° dia

Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém

Ilumina-me Senhor para que possa rezar esta novena e alcançar as graças por intercessão de São Jerônimo Emiliani

ILUMINAÇÃO BÍBLICA - Evangelho: Mt 19,13-21

Naquele tempo, levaram crianças para que Jesus pusesse as mãos sobre elas, e rezasse. Mas os discípulos as repreendiam.  Jesusporémdisse: «Deixem as crianças, e não lhes proíbam de vir a mim, porque o Reino do Céu pertence a elas.»  E depois de pôr as mãos sobre as criançasJesus partiu daí.

 Um jovem se aproximou, e disse a Jesus: «Mestreque devo fazer de bom para possuir a vida eterna?»  Jesus respondeu: «Por que você me pergunta sobre o que é bom? Um só é o bom. Se você quer entrar para a vidaguarde os mandamentos.» O homem perguntou: «Quais mandamentos?» Jesus respondeu: «Não matenão cometa adultérionão roubenão levante falso testemunho;  honre seu pai e sua mãe; e ame seu próximo como a si mesmo.»  O jovem disse a Jesus: «Tenho observado todas essas coisas. O que é que ainda me falta fazer?»  Jesus respondeu: «Se você quer ser perfeitovenda tudo o que tem o dinheiro aos pobres, e você terá um tesouro no céuDepois venha, e siga-me.»

Palavra da Salvação

Glória a vós, Senhor

 

Vamos refletir

 

Hoje neste último dia de novena somos convidados a refletir sobre as apalavras de São Mateus, e que palavras lindas. Jesus fala que o “Reino é das crianças”. São Jerônimo Emiliani tentou fazer para as crianças órfãs da época que o mundo fosse um lugar de conforto de amor, um reino para elas, mas ele também anunciava o Reino de Deus para os mesmo que além de serem agraciados com a bondade na terra que emanava de seu Bondoso Pai, Jerônimo ainda desejavam ardentemente o Reino do Senhor que o próprio Jerônimo havia mostrado a elas.

Juntamente observamos o testemunho do jovem que queria o Reino de Deus, e pergunta para Jesus “Mestreque devo fazer de bom para possuir a vida eterna?”, Jesus fala para ele observar os mandamentos da Lei de Moisés, mas o jovem fala que já os observava. Jesus então o chama a vivenciar uma vocação profunda, como São Jerônimo convida a cada um daqueles que desejam trabalhar “seguindo o Crucificado” a “vender tudo o que tem dar seu dinheiro aos pobres, e terás um tesouro no céu. Depois ‘segui o Crucificado’.” Palavras que querem nos chamar a viver uma vocação de uma vida de doação, que o jovem não faz (pode ser visto nos próximos versículos), nessa mesma reflexão vamos olhar profundamente em nós e pensar se nós aceitamos o chamado de Jesus e estamos observando os mandamentos.

Nesse último dia queria deixar essa frase para nossa reflexão da novena e da própria vida. Da primeira carta de São Jerônimo Emiliani para Sr. Agostinho Barili: “embora eu não esteja com vocês no campo de batalha, todavia escuto seu fragor e levanto, como posso, meus braços em oração.”

 

Nesse mesmo espírito de novena vamos rezar:

Bondoso Pai,

Jerônimo Emiliani, que dos céus continua com teu olhar solicito, a proteger aqueles que a Ti se voltam suplicantes

-intercede por nós junto a Deus, a fim de que dóceis ao Espírito Santo, sejamos

“humildes instrumentos nos quais Cristo opera e Deus manifesta sua gloria ”      -abençoa os jovens e órfãos que empobrecido e abandonados clamam por um mundo mais justo e fraterno.

(intenção pessoal)

Acompanhe-nos sempre, ó Pai, teu exemplo de serviço a Deus e aos pobres e nos sustente a tua intercessão, hoje e sempre.

AMÉM.

São Jerônimo Emiliani,

Rogai por nós e por todos os órfãos do mundo!!!

 

Links úteis
.png

Ordem dos Clérigos Regulares Somascos do Brasil

Rua Prof° Antônio Nogueira Braga, 185 Sala "A"

Bairro: Jardim Santa Cândida, Campinas - SP

CEP: 13087-601

Contatos: (19) 3296-6388/ (19) 3296-5886

Email - religiosos@ymail.com